sábado, 28 de fevereiro de 2015

O país das mil maravilhas

Cadê o país dos sonhos que nos prometeram, com taxa de juros baixa, igual a país civilizado, de conta de luz com valor reduzido, de inflação controlada no centro da meta?

E o sonho da pátria educadora, de saúde de qualidade para todos e segurança no combate à violência urbana, às drogas ilícitas e ao contrabando de armas nas fronteiras do país?

Sem falar no sonho de acabar com a corrupção, que espanta o país com escândalos cada vez um maior do que o outro. O governo petista que governa há 12 anos tem decepcionado e andado para trás.

Agora, nesta altura dos acontecimentos, o país é chamado para arcar mais uma vez com o ônus dos desacertos. Daqui para frente é na base do que será, será! Apertem o cinto!

Ah... esses governantes e políticos com suas manobras e descaminhos!!!  

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Bananas de dinamite

Enquanto em Brasília governo de Dilma Rousseff e parlamentares discutem o endurecimento da lei contra o furto de dinheiro em agências bancárias por meio de explosões de caixas eletrônicos, o Rio Grande do Norte dispara na estatística para ocupar principal posição do ranking nacional.

A semana termina com mais uma agência bancária no RN dinamitada. Desta vez quadrilha age no município de São José do Seridó, a 227 km de Natal, crime registrado já na madrugada desta sexta-feira (27).

Autoridades da segurança estão tontas com tanto pipoco por aí afora. Virou rotina nas estatísticas policiais.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

País desconectado

Mesmo diante de uma crise econômica que o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) impõe sacrifícios para a classe trabalhadora, a Câmara dos Deputados parece que não está nem aí. Surpreende a todos nós, aprovando aumento de despesas para beneficiá-los – a eles e suas parceiras.

Como pode tamanha desfaçatez num momento crítico pelo qual passa a nação. Estão de brincadeira esses parlamentares que se dizem representantes do povo. Ou o sacrifício é para todos, ou não se pode levar mesmo a sério esse ajuste fiscal do governo petista.

Como aceitar sacrifícios se o mau exemplo vem de cima? É essa desigualdade sem limites que se torna gritante e rejeitada por parcelas da sociedade que não se calam, como a que vemos agora de greve  dos caminhoneiros nas rodovias. Outros protestos virão pela frente com certeza.

O pacote anual de Suas Excelências terá um impacto econômico de R$ 150,3 milhões, com o aumento das verbas de gabinete e cota de viagens para mulheres de deputados por conta do erário público. O então presidente francês cunhou uma frase que cabe bem ao nosso país: "O Brasil não é um país sério".

De fato, com tais medidas parlamentares não se pode ir muito longe em nenhum esforço econômico que se faça. É muita falta de senso crítico. E a presidente Dilma Rousseff, refém da Casa parlamentar, não esboça sequer uma crítica. Calada!... Isso é Brasil!

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Mudança de tempo

Com a aproximação do outono e fim do verão, o tempo começa a dar sinais de mudanças. Ligeiras chuvas à noite e pela madrugada até o amanhecer nublado e com chuvaradas aqui em Natal.

O outono é a estação de transição para o inverno, que pela ótica astronômica, começa lá para 23 de março, enquanto meteorologicamente, inicia-se a partir de março.

Estamos portanto saindo do calor brabo para uma temperatura amena com a chegada do outono, que vai nos preparar para o inverno. Mas será que vamos ter mesmo inverno?

Bem, estudiosos da meteorologia estão aí se reunindo periodicamente para confirmar se as chuvas no semiárido serão normais ou abaixo da média histórica.

Inverno normal

Os estudos mais recentes da meteorologia para o semiárido potiguar dão conta de que houve melhora no resultado em relação à comparação anterior, que previa chuvas abaixo do normal.

Agora, de acordo com o meteorologista potiguar Gilmar Bristot, as chuvas estão mais para normais do que mesmo abaixo da média normal, a partir de março, o que pode interromper o ciclo de três anos de seca.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Mordida boa

A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) tem aí um projeto de lei que apresentará em Brasília, segundo a coluna do jornalista Ricardo Boechat na ISTOÉ da semana.

Trata-se da taxação de grandes fortunas no país, muito apropriado para os governos que só sabem meter a mão no dinheiro da classe média brasileira. Jandira é a favor da criação de nove faixas de contribuição, a partir do acúmulo de patrimônio de R$ 4 milhões e a última faixa acima de R$ 150 milhões, diz a notícia.

Segundo a estimativa da parlamentar, a tributação alcançaria 38 mil contribuintes. Então, ainda de acordo com a nota da coluna de Boechat, dos R$ 14 bilhões que esse universo renderia por ano, em torno de R$ 10 bilhões seriam para a saúde pública.

Pois bem, com isso, o governo deixaria a classe média respirar. 

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Vida cara e insegura

Com o preço da gasolina comum custando aqui em Natal R$ 3,34 e a aditivada R$ 3,44 na bomba, não sem variações entre postos de combustíveis, que pode chegar até R$ 0,26 entre um posto e outro, conforme pesquisa do Procon, a reclamação é geral.

Vi agora há pouco no Bom Dia Brasil, por exemplo, que o comportamento da população começa a mudar, em busca de saída para o aumento dos combustíveis. Trocar o carro pela motocicleta é o que já faz muita gente por esse Brasil afora, para consumir menos combustível.

Mas quem não quiser se arriscar em cima de duas rodas, como eu, o jeito é deixar o carro em casa e optar pelo transporte de ônibus em alguns dias da semana. O Brasil passa a viver tempos de carestia neste segundo mandato da petista Dilma Rousseff. Pelo menos até as próximas eleições.
_____________  

MAIS DO MESMO das notícias em destaque no portal G1 RN deste início de semana, por sinal, a última de fevereiro: "Quadrilha faz reféns, explode banco e amedrontada moradores em Cerro Corá", e em Natal, a capital, "Agente da Semob é assaltado e morto" – que triste, não é?

Nas regiões metropolitanas e até em cidades interioranas antes pacatas, o crime é cena que se incorporou a rotina do cotidiano urbano. Até quando? Ninguém sabe! Governos (federal e estaduais) ainda não têm uma resposta à altura do combate à violência enraizada país afora.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Mulher inspirada

ANGELINA Talento
Domingo é dia de pegar leve também na escrita, portanto, nada melhor do que trazer aqui o pensamento da grande atriz do cinema, famosa internacionalmente, Angelina Jolie, que não é só beleza.

Ela disse a Seleções Reader's Digest, edição de fevereiro que está nas bancas:

"Tento ser uma pessoa melhor" – declaração bem inspirada. Ela faz um trabalho humanitário exemplar.

Ah, se cada um de nós tentássemos isso, certamente o mundo seria bem melhor mesmo, sem dúvida. Na verdade, o mundo é o que vemos na vida real, porque nem todos dão o melhor de si.

____________

SR. BRASIL, programão na TV Cultura, com Rolando Boldrin, que quando posso, assisto aos domingos, das 10h às 11h, com grandes artistas da música regional do interior brasileiro.

Tem também os causos contados por Rolando Boldrin, bem interessantes. E muita coisa boa.

É uma programação diferente, que vale a pena assistir, para quem curte esse gênero musical. Neste domingo (22) o quarteto vocal Ecco paulista cantou, por exemplo, Luar do Sertão. A gente revisita as origens, outros tempos, viaja no túnel do tempo. 

sábado, 21 de fevereiro de 2015

Olho no relógio

Que beleza! neste domingo (22) os relógios do Sul, Sudeste e Centro-Oeste voltam a acertar os ponteiros com os dos Estados das regiões Norte/Nordeste. Ponto final no horário de verão 2014/2015.

Tudo igual na hora a partir de meia-noite deste sábado (21), ou seja, à zero hora para iniciarmos mais um domingo deste fevereiro sem água em muitas cidades brasileiras do Sudeste e Nordeste.

Então a partir dessa hora, sem essa de fuso horário adiantado para as três regiões desse regime.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Comercialização suspensa

Ter um plano de saúde não é tudo para garantir boa assistência no Brasil. Até porque muitas operadoras ainda continuam descumprindo as normas de contrato.

Na quinta-feira (19), a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) suspendeu a comercialização de 11 operadoras. E sabe por quê?

O principal motivo da suspensão dos planos é o desrespeito aos prazos máximos de atendimento. Essa medida visa proteger em torno de 580 mil beneficiários de planos de saúde no país, deu n'A Voz do Brasil.

Desde que o Programa de Monitoramento da ANS entrou em vigor mais de mil planos de saúde, de 143 operadoras, já foram suspensos.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Bye-bye RN

Aposta-se que foi falta de uma política industrial atrativa do governo estadual passado, o adeus da empresa Alpargatas ao Rio Grande do Norte que fechou fábricas em Natal e no interior do RN (em Santo Antônio).

Das três unidades no RN, a única que permanece em operação é a fábrica de Nova Cruz, a 98 km de Natal.

No entanto, a indústria de calçados, artigos de vestuário, produtos esportivos e de artefatos têxteis, continua investindo em seu mercado em Minas Gerais, São Paulo e Paraíba.

Agora mesmo o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou uma grana de R$ 85,3 milhões para a Alpargatas investir em design, moda, diferenciação, fortalecimento e, mais ainda, em reposicionamento de marcas, construção de minifábricas e projetos sociais no âmbito da comunidade.

Esse investimento vai ser em São Paulo (SP), Campina Grande (PB) e Montes Claros (MG). 

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Carnaval de verdade

Gosto de carnaval. Aliás, sempre gostei e creio que vou continuar gostando. Só tem uma coisa: carnaval de verdade, pra mim, tem que ter samba e marchinha.

Se não tiver perde a graça! A gente vê muito carnaval por aí com bandas que tocam uma música que não tem nada a ver com a festa carnavalesca tradicional, né não?

Sou do tempo dos carnavais da antiga!
_____________

Quinze anos de informações

INFORMAÇÃO Por meio de cursos, palestras e orientações
Terminado o carnaval, voltamos à velha rotina da vida real. A propósito de carnaval, foi em plena folia carnavalesca, no domingo, 15 de fevereiro, que o Programa de Educação Previdenciária completou 15 anos levando informação pública.

Até 2014, o programa realizou 72.218 ações de educação previdenciária em todo o Brasil, beneficiando diretamente 9,51 milhões de pessoas com informações. Tudo isso por meio de cursos, palestras e orientações individuais.Além de formar 102 mil disseminadores externos.

Um trabalho a cargo dos servidores do INSS nas Gerências Executivas e Agências da Previdência Social (APS). Com o programa, a população-alvo se conscientiza de seus direitos e deveres, assim como das melhorias da Previdência.

sábado, 14 de fevereiro de 2015

É carnaval no Brasil!!!

De hoje, sábado (14), até quarta-feira (18), o país só respira carnaval. Aliás, desde ontem, sexta (13), o Brasil vive a festa carnavalesca 2015, o evento mais tradicional de todos os tempos. Muita gente já viajou de um lugar a outro para desfrutar desse feriadão, mas quem não brinca e prefere descansar deve a esta altura já ter tomado seu rumo e optado por um local para passar os quatro dias. Natal também tem seu carnaval este ano, com boas atrações artísticas em regiões polos da cidade, programadas pela prefeitura da capital. Muitas cidades do interior do RN com seus carnavais atraem multidões nesta época, como são os casos principalmente de Caicó e Macau, as principais que se destacam pela tradição. Ou há quem prefira mesmo uma boa praia do litoral potiguar para terminar o veraneio. Então, vamos que vamos! Aqui damos uma parada e até depois do carnaval, sob as bençãos de Deus, que ninguém é de ferro.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Ladeira abaixo

Ao menos, em 2014, o varejo potiguar ainda conseguiu respirar aliviado. Mas só cresceu apenas 2,2%, enquanto no ano anterior de 2013 o comércio pôde festejar um crescimento de 8,8%. Os anos de 2012 (7,6%) e 2011 (5,5%) também foram de bons resultados nas vendas. A partir deste ano, no entanto, a história pode ser outra com a economia nacional em turbulência, por conta dos ajustes que estão sendo feitos pelo governo Dilma Rousseff (PT). São dados do IBGE, referente à Pesquisa Mensal do Comércio, divulgados em fevereiro pela Fecomércio/RN, que registra em dezembro alta nas vendas de 2,7% para ser feliz. A desaceleração do consumo preocupa, que em dezembro de 2013, por exemplo, chegou a registrar aumento nas vendas de 5,9%, portanto, o dobro de dezembro passado, chama a atenção a entidade empresarial. Deste ano em diante, salve-se quem puder, pois, a desaceleração deve continuar ladeira abaixo, com reflexos já no trimestre de janeiro a março. 

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Dicas de segurança

A violência no Brasil hoje é um assombro. Daí dez dicas de segurança dadas por quem entende do assunto: o especialista Maurício da Silva Lazzarin, coordenador dos cursos de segurança privada e segurança no trabalho da Universidade Cidade de São Paulo (Unicid).

 "1. Evite sair com objetos de valor como relógios, pulseiras, colares e outras joias; e não saia com grandes quantias de dinheiro ou cartões de crédito se não houver necessidade.

2. Em transportes coletivos e lugares muito movimentados, mantenha a bolsa, carteira, pacotes ou sacolas em frente ao seu corpo.

3. Evite utilizar celulares em vias públicas.

4. Evite deixar o carro estacionado na rua em lugares que indiquem períodos longos de ausência do condutor. Procure estacionar seu veículo em ruas iluminadas e próximo a locais vigiados dia e noite. Não deixe bolsas, embrulhos, roupas e pacotes à vista, dentro do carro.

5. Procure não se aproximar de seu carro ou residência e nem entrar neles se perceber a presença de pessoas suspeitas nas proximidades.

6. Ao conduzir seu veículo mantenha as portas travadas. Se possível, mantenha os vidros do carro fechados também.

7. Não pare para discutir pequenas batidas, principalmente à noite. Bandidos se utilizam de pretextos e distração em momentos críticos para assaltar.

8. Ao levar crianças a praças, praias, clubes ou grandes eventos procure identificá-las com nome, endereço e telefone.

9. Ao viajar por grandes períodos, suspenda a entrega de jornais e avise a um vizinho de confiança sobre a sua ausência. Se possível, peça a um parente ou amigo para que recolha sua correspondência e visite sua casa periodicamente, para certificar que está tudo certo.

10. Não abra a porta para pessoas que se apresentam para oferecer serviços não solicitados (encanadores, eletricistas, técnicos, etc.). Utilize o interfone caso possua. Confirme serviços solicitados com as concessionárias ligando pessoalmente para as mesmas, em telefones divulgados pela mídia."

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Rastreamento da dengue

Precisamos aumentar nossos meios do controle da dengue no Rio Grande do Norte. Como isso é possível? Bem, tem aí um sistema informatizado que visa eficiência no combate ao mosquito da dengue em todos os municípios potiguares. Esse sistema é dominado pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais) do Hospital Universitário Onofre Lopes, em Natal. O laboratório acaba de fechar parceria com a Secretaria de Estado da Saúde Pública para aplicar essa novidade na guerra contra o mosquito. O objetivo é melhorar o monitoramento dos focos do mosquito aedes aegypit, utilizando o Observatório da Dengue, por meio de um dispositivo móvel. A apresentação do sistema ocorreu nesta quarta-feira (11) com a participação de gestores municipais da saúde no Estado.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Na semana do carnaval

Mesmo com o preço dos combustíveis mais altos, por conta do último aumento, o trânsito começa a se agitar em Natal como consequência da semana do carnaval 2015. Até sexta-feira a pisada deverá ser essa de carros vindos de cidades do interior para as compras do período carnavalesco.

É comum essa correria em datas festivas como a do ciclo natalino, domingo de páscoa, dia da mães, por aí. A cidade recebe mais carros, os supermercados ficam mais cheios e os estacionamentos lotados. A frota circulante tende a aumentar naturalmente.

Muitos decidem tirar seu carro da garagem para apressar o ritmo da semana que vai ter pela frente um feriadão. Afinal, de sábado em diante o país viverá uma festa longa que só acabará na quarta-feira. Até lá, só funciona mesmo, basicamente, serviços essenciais.

É da tradição do país esse feriado longo nas atividades de rotina como bancos, serviços públicos e o comércio de rua, exceto os supermercados, que só fecham um dia (correção: na segunda-feira – e não na terça de carnaval.) Por todo o Brasil afora é hora de samba no pé, para quem gosta. E quem não gosta, bom sujeito não é!

Nesses dias, muitos se mandam para as praias aproveitando os últimos dias do veraneio. Quase sempre é o carnaval que encerra a estação de veraneio, embora que o verão mesmo só nos deixa lá para 20 de março, quando pede vez o outono, e entra o clima ameno.    

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Quem tem mais

Mesmo sendo Natal, capital do RN, considerada uma cidade de muitos funcionários públicos na população economicamente ativa, a rigor, nem chega a ser tanto assim em comparação a outras cidades brasileiras. É o que mostra ranking divulgado pelo portal da revista exame.com e noticiado pelo jornal da Record News. A cidade com maior percentual de funcionários públicos é Parintins (no Amazonas). Num ranking mostrado de dez municípios, por exemplo, João Pessoa (PB) aparece em sétimo lugar com 42,65% de funcionários públicos na população, enquanto Natal está fora. Surpresa mesmo foi Brasília em 12º lugar com 38,45%, que se esperava numa das primeiras posições. Portanto, a capital potiguar está salva da pecha de cidade de funcionários públicos. Nem tanto!

domingo, 8 de fevereiro de 2015

Dilma despenca em avaliação

Logo após iniciar seu segundo mandato presidencial, a presidente Dilma Rousseff (PT) sofre a pior avaliação negativa de governo: sua rejeição despencou de 24% em dezembro para 44% agora em fevereiro. A esta altura a presidente brasileira deve estar buscando chão para cair.

A pesquisa é feita pela Datafolha que mostra uma desaprovação em queda livre: em dezembro a avaliação de boa/ótima era de 42%; e em fevereiro agora despencou para 23%. O eleitorado despertou para como é feita a politicagem brasileira: a Dilma do palanque é o inverso da presidente no Planalto.

Tudo isso em meio a uma enxurrada de notícias negativas desde que reassumiu comando da nação, há pouco mais de um mês, rasgando seu discurso político do palanque eleitoral. Os fatos negativos vão desde o escândalo de corrupção na Petrobras à expectativa em relação à economia nacional.

É exatamente o inverso da Dilma quando assumiu o primeiro mandato, que prometia juros civilizados e depois começou a naufragar já no fim de sua gestão administrativa da primeira vez. Foi assim mesmo para a disputa, mas por pouco não perdeu a campanha com a divisão eleitoral nas urnas do país.

Nem os próprios petistas estão satisfeitos com o governo dilmista, conforme mostra a consulta popular da Datafolha, divulgada neste domingo (7). O chato é ser enganado, para depois de ganhar as eleições mostrar a verdadeira cara. Não podemos continuar brincando de "pegadinha".

"É a pior avaliação de um presidente desde dezembro de 1999, quando Fernando Henrique Cardoso tinha 46% de rejeição (ruim/péssima)", segundo o Instituto Datafolha avaliou para os meios de comunicação. É mais um domingo de notícias indigestas para a presidente Dilma e seu partido.

sábado, 7 de fevereiro de 2015

Mais verão 2015

VERANEIO Eu e a mulher (a Chaguinha) não perdemos a vez
Janeiro já ficou pra trás mas o verão 2015 segue em frente, ao menos, até o carnaval. Neste veraneio já passei pela praia de Barra do Cunhaú, município de Canguaretama/RN, onde celebramos o Ano Novo. Na semana passada, encerrando janeiro, estivemos na Praia da Pipa, ambas no litoral sul. Ainda devemos ir ao litoral norte, antes de terminar o veraneio. A rigor, o verão só termina mesmo em 20 de março, quando então entramos no outono. Pipa, em Tibau do Sul, é cartão postal do litoral potiguar dos turistas estrangeiros que vêm ao Nordeste brasileiro. É um recanto alegre, festivo e bem movimentado de dia e de noite. É uma festa a Pipa! Por lá o que não faltam são europeus, brancos de pele, cabelos aloirados, curtindo o sol quente do verão nas praias, andando nas ruas do comércio e, sobretudo, em bares, restaurantes e lanchonetes. Nesta época do ano Pipa imperdível!

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Voos chegando e partindo

Maravilha essa negociação do governo do Rio Grande do Norte com as companhias aéreas para ampliar número de voos para Natal e reduzir valores das passagens. Talvez já por conta dessa perspectiva, ontem (quinta-feira 5) promoções de passagens de São Paulo para Natal chegavam a bem menos de R$ 300.

Quem quisesse antecipar suas reservas de passagens podia, sim, pegar uma boa pechincha no preço. É claro que se tratava apenas dessas promoções-relâmpago que aparecem para vários destinos. No entanto, chamou-me atenção que havia muitas ofertas direcionadas para Natal.

As negociações do governador Robinson Faria (PDS) com as companhias aéreas TAM, Gol, Avianca e Azul, estão bem adiantadas, e já se divulga que o governo do RN reduzirá a alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) do querosene de aviação este mês, dia 25 de fevereiro.

Boa ideia para incentivar o turismo potiguar e concorrer com outros Estados de igual para igual. Turismo é fonte de renda e emprego, portanto, é assim mesmo que funciona: uma mão lava a outra, como se diz. Com isso, aumentará a movimentação de voos no Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves.

Apesar da distância do novo Aeroporto de Natal, que fica em São Gonçalo do Amarante, é possível que com a conclusão dos dois acessos sul e norte, dê mais tranquilidade ao fluxo de passageiros. Principalmente entre o aeroporto e a zona sul, região de maior demanda aérea na capital potiguar.

Dessas vias sul e norte,  o novo governo instalado em 1º de janeiro já está cuidando. Felizmente, o passado, de um governo de quatro anos paralisado, espero que tenha acabado. É tempo de confiar, de perspectivas novas e de muito trabalho para frente, resgatando o período perdido. Quem quer, faz!

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Insegurança desafia Estado

Parece até uma afronta ao novo governo do Rio Grande do Norte, que se instalou em 1º de janeiro, anunciando de imediato ações para o combate à violência no Estado. Pois bem, a violência ainda não cedeu, pelo menos, em números de homicídios. É o próprio relatório da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social do RN que registra 137 homicídios apenas em janeiro, onda de crimes que se iguala ao do mesmo mês de 2014, no então governo de Rosalba Ciarlini. Fica difícil sem cortar o mal pela raiz, que aí envolve um conjunto de forças, inclusive, a do governo federal, com ações de repressão policial e preventivas de políticas públicas nos bolsões de pobreza extrema. A região da Grande Natal concentra 64% dos crimes no RN, enquanto na região Oeste (Mossoró) fica com 21%.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Num país sério

Nunca se viu tantos escândalos vindos à tona envolvendo um governo e seu partido político. É por demais impressionante a falta de ética de políticos que chegam ao poder maior da nação. Torna-se estarrecedor ainda mais ao envolver logo quem? O Partido dos Trabalhadores (o PT) que subiu ao pódio hasteando a bandeira da ética e criticando os demais partidos. E, então, cadê a ética?

Dois grandes escândalos – o do mensalão e agora o do petrolão – que a nação assiste derrubaram por terra a  pretensão do PT de fazer política diferente e ser melhor do que os outros partidos. As ideias petistas naufragaram tristemente e envergonham nosso país, as pessoas que esperavam mudanças éticas.

Em qualquer país sério, o governante a esta altura renunciaria se também não tivesse envolvido com essa roubalheira para um partido se manter no poder não pelos méritos, mas pelas falcatruas que comete como se nada estivesse acontecendo. Parece que nunca se praticou tanta irregularidade neste país. 

A saída da presidente da Petrobras, Graça Foster, é o de menos. Por muito menos, no caso Watergate, nos Estados Unidos, na década de 1970, o presidente norte-americano Richard Nixon renunciou, quando o escândalo veio a público naquela época, denunciado pelo jornal Washington Post.

Tratava-se de um caso de espionagem de um partido (o Republicano) que estava no poder à sede do partido adversário (o Democrata) durante campanha eleitoral. A história conta que cinco pessoas foram detidas ao tentar fotografar documentos e instalar aparelhos de escuta no escritório do Partido Democrata.

O caso virou um escândalo de proporções imensuráveis que culminou com a renúncia de Nixon. Nem precisou de impeachment. Foi um exemplo para o mundo do respeito à nação e da seriedade como se deve conduzir na vida pública seus cidadãos e cidadãs.
_______________ 

P.S.: Por ter viajado no fim de semana para o veraneio no litoral sul e por problemas de saúde assim que voltei, uma indisposição gástrica, estive fora do ar. Daí nada foi postado no domingo, segunda e terça-feira. Com a graça de Deus estou retornando para esse convívio do dia a dia.

Frustração tributária

Acredite se quiser, mas a reforma tributária ainda está entre as reformas do presidente Michel Temer, que talvez não consiga aprovar nenh...

MAIS VISITADAS